Eu Matei Lúcio Flávio

31 mai, 15h · 6 jun, 19h (DVD)

Eu Matei Lúcio Flávio

Brasil, 1979, 90min, 18 anos

direção Antônio Calmon roteiro Leopoldo Serran direção de fotografia Hélio Silva montagem Antônio Sarmento direção de arte Oscar Ramos e Luciano Figueiredo produção Jece Valadão companhia produtora Magnus Filmes co-produção Atlântida Empresa Cinematográfica do Brasil distribuição União Cinematográfica Brasileira elenco Jece Valadão, Monique Lafond, Nildo Parente, Maria Lúcia Dahl, Celso Faria

Mariel Maryscôtt nasceu e criou-se em Bangu. Desde cedo fascinou-se pela riqueza da Zona Sul, com a qual dialoga por meio de seu trabalho como salva-vidas, leão de chácara das boates da moda e segurança de juízes e ministros. Até que um dia é chamado para entrar na polícia devido ao seu porte físico, talento para a briga e boa pontaria. Logo depois, é convidado pelo delegado Goulart (Celso Faria) a integrar uma tropa de elite, um grupo especial cognominado “Homens de Ouro”, mais conhecido como “Esquadrão da Morte”. Lúcio Flávio (Paulo Ramos) é um criminoso que chama a atenção da mídia pela grande quantidade de assassinatos a ele atribuídos. O Esquadrão da Morte descobre que Lúcio Flávio exerce a função de queima de arquivo numa quadrilha de roubo de carros. Para surpresa de Mariel, o delegado Goulart também faz parte da quadrilha. Mesmo assim, ele não se intimida. Mata o líder da quadrilha e continua perseguindo Lúcio Flávio.aixa, desde cedo fascinou-se pela riqueza da Zona Sul, principalmente pelas luzes de Copacabana. Dialoga com o universo da burguesia, mundo que não lhe pertence, por meio de seu trabalho como salva-vidas, leão de chácara das boates da moda e segurança de juízes e ministros. Até que um dia é chamado para entrar na polícia devido ao seu porte físico, talento para a briga e boa pontaria. Logo depois, é convidado pelo delegado Goulart (Celso Faria) a integrar uma tropa de elite, um grupo especial cognominado “Homens de Ouro”, mais conhecido como “Esquadrão da Morte”. Lúcio Flávio (Paulo Ramos) é um criminoso que chama a atenção da mídia pela grande quantidade de assassinatos a ele atribuídos. O Esquadrão da Morte descobre que Lúcio Flávio exerce a função de queima de arquivo numa quadrilha de roubo de carros. Entretanto, para surpresa de Mariel, o delegado Goulart também faz parte da quadrilha. Mesmo assim, ele não se intimida. Mata o líder da quadrilha e continua perseguindo Lúcio Flávio.

Voltar